O jornal A Bola desta sexta-feira avança que o cenário de um possível acordo entre Sporting e Olympiakos por Podence está cada vez mais longe. O jogador português rescindiu contrato com os ‘leões’ alegando justa causa e para o emblema helénico já não há necessidade de chegar a acordo com o Sporting uma vez que consideram estar protegidos pelo Regulamento sobre o Estatuto e Transferência de Jogadores da FIFA.

De acordo com a informação veiculada pelo referido diário, o Olympiakos analisou o caso do avançado português que rescindiu contrato com o Sporting, e considerou que o jogador de 22 anos já estava fora do período protegido estipulado no Regulamento sobre o Estatuto e Transferência de Jogadores da FIFA quando assinou pelo emblema grego.

Segundo o mesmo jornal desportivo, que cita o Regulamento sobre o Estatuto e Transferência de Jogadores da FIFA, todos jogadores que assinem contrato antes dos 28 anos têm um período em que estão protegidos os primeiros três anos do vínculo e os dois primeiros para quando se assina contrato já depois dos 28 anos.

Ora, na perspectiva do Olympiakos, como Podence, de 22 anos, renovou em maio de 2015, ou seja há mais de três anos, encontrava-se fora do referido período quando assinou contrato com o emblema helénico.

Recorde-se que o clube de Alvalade exigia um valor a rondar os 10 milhões de euros para retirar o processo que já está em tribunal em que os ‘leões’ reclamam um valor de 60 milhões de euros a Podence e Olympiakos.