O FC Porto pode sagar-se, em Lisboa, campeão nacional de andebol de seniores masculinos, bastando para tal vencer o Sporting no Multisusos de Odivelas, a partir das 18 horas.

Mas esta é também a última hipótese dos leões de sonharem com o título, reduzida que está a luta aos dois emblemas a três jornadas do fim do Andebol 1, tendo de vencer por três golos para ficarem numa situação confortável após esta oitava jornada.

O FC Porto chega a Lisboa na frente do campeonato e confiante, até porque já venceu os leões em casa, num jogo que determinou a saída do técnico espanhol Zupo Equisoain. «Esperamos acima de tudo um jogo muito difícil entre aquelas que são as duas melhores equipas em Portugal e que vão tentar ganhar. Penso que nenhuma é favorita, existem 50 por cento de hipóteses para cada lado», considerou Hugo Santos. Aliás, para o ponta-esquerda dos dragões a pressão é igualmente repartida.

«A pressão está nos dois lados em todos os jogos. Nesta fase final sabemos que não há jogos fáceis, que são todos muito equilibrados. Mas o nosso objetivo é ganharmos em Lisboa e sermos campeões. Esse é o nosso objetivo desde o início do ano e queremos consegui-lo o mais rápido possível». Sem receitas mágicas, garante o portista: «O segredo é o mesmo de sempre, trabalhar em equipa. Se remarmos todos para o mesmo lado vai ser mais fácil. A nossa equipa vale pelo coletivo.»