Beto Severo ainda não vai sentar-se no banco de suplentes frente ao V. Setúbal, já amanhã. O dirigente cumpre 23 dias de castigo – inicialmente o antigo central foi suspenso um mês.

Mas após os leões recorrerem a pena foi reduzida – depois de ser expulso no final do encontro com o Tondela, a 7 de dezembro, por ter dito a Nuno Almeida que este estava “encomendado pelo Benfica”.

No dérbi (dia 3), Beto já poderá sentar-se no banco.