Campeões à custa dos outros

A jornada 33 fica fechada só hoje quando terminar o encontro marcado entre Boavista e Nacional, mas há pouco a decidir no campeonato, a menos que o próprio Nacional ainda sonhe com a ida à Europa. Ora, pouco para se decidir porque o já existe campeão, já se conhecem os clubes que têm acesso à Liga dos Campeões e Liga Europa (5º lugar definitivamente decidido na próxima jornada) e os dois clubes que descem de divisão e que jogam na 2ª liga na próxima época.

Em relação ao Sporting, observámos um jogo fácil, poucas situações de perigo contra, jogo controlado com posse e golos que surgiram naturalmente como deveriam ter acontecido durante outros jogos fáceis do campeonato que acabaram em empates.

Temos um campeão justo. De facto foi melhor em tudo. Diga-se que foi a equipa mais eficaz e que apresentou futebol mais prático e pragmático, mas foi igualmente a melhor a aproveitar os erros da arbitragem, foi melhor a aproveitar mais de 10 jogos consecutivos em que o adversários viam um jogador ser expulso, foi melhor em aproveitar marcações de cantos ou faltas inventadas na cabeça do árbitro perto da área e em situação de perigo que originaram golos, enfim, o campeão foi melhor em tudo e por isso é um justo vencedor.

Este é o campeão que ficará para sempre recordado por #campeãocolinho. O Sporting renovou o título de campeão dos empates e o Porto é o campeão da azelhice. Estão entregues os 3 primeiros prémios.

Definitivamente, para descer à 2ª liga estão o Gil Vicente e o Penafiel. Ainda só não há quem os substitua. O Tondela tem adiado a suas possibilidades e põe mesmo em causa a subida porque se perder o último confronto da época com o Freamunde (já sem hipóteses de subida), caso o Sporting da Covilhã e o Chaves ganhem ficam em igualdade pontual mas sobem pelo diferencial de golos marcados em jogos entre eles e clube viseense. Já o União da Madeira, que também se encontra na luta pelo lugar ao sol, sobe de divisão de ganhar e o Chaves e o Sporting da Covilhã perderem ou empatarem. Mesmo que o Tondela perca, ficando com os mesmos pontos que o União da Madeira, passa o Tondela porque ganhou os confrontos diretos em casa e fora.