Com 20 golos – dois deles no triunfo por 3-1 sobre o Feirense, no passado domingo – ao cabo de 36 jogos, Bruno Fernandes já ‘pulverizou’ os melhores registos da própria carreira e vai consolidando o seu estatuto como figura máxima do plantel do Sporting.

Os desempenhos do internacional português não têm, no entanto, passado despercebidos além-fronteiras. De acordo com o jornal O Jogo, vários clubes têm acompanhado atentamente os últimos encontros do jogadores, entre eles Chelsea e Atlético de Madrid.

No caso dos blues, uma hipotética transferência fica, neste momento, em dúvida, face à fase periclitante pela qual atravessa Maurizio Sarri, em especial após a histórica goleada sofrida no terreno do Manchester City, por 0-6.

O mesmo não se pode dizer dos colchoneros, que, refere a publicação, já teriam tentado a contratação do médio no passado verão, quando este avançou para a rescisão unilateral do contrato que mantinha do Sporting.

Bruno Fernandes acabaria por regressar a Alvalade, com um contrato válido até junho de 2022, onde consta uma cláusula de rescisão no valor de 100 milhões de euros, mas o interesse da equipa de Diego Simeone mantém-se.