Tal como sucedeu frente ao Marítimo, na estreia do Sporting na Taça da Liga, também no encontro com o Oleiros, agora no pontapé de saída na edição deste ano da Taça de Portugal, Jorge Jesus vai voltar a revolucionar a equipa, dando minutos aos jogadores menos utilizados esta temporada e promovendo alterações em todos os setores, já a pensar no regresso aos jogos do campeonato e no primeiro de dois duelos com a Juventus, para a Liga dos Campeões.

Sabendo de antemão que não poderá contar com Doumbia e Alan Ruiz, ambos a recuperar de lesões musculares, o treinador tem também um problema central para resolver, já que a disponibilidade de Tobias Figueiredo não está garantida.

O defesa-central, que no jogo da Taça da Liga, frente ao Marítimo, fez parceria com André Pinto no eixo da defesa, está em dúvida devido a uma lesão contraída sábado passado, em jogo de treino com a equipa secundária que serviu para Jesus começar a testar o onze que deverá defrontar o Oleiros. E não é garantido que possa recuperar a tempo de jogar.

Caso Tobias Figueiredo não recupere, Jesus tem sempre a possibilidade de chamar Mathieu (Coates está fora de jogo porque joga pelo Uruguai na madrugada de quarta-feira), mas há sempre a possibilidade de o técnico dar a oportunidade a alguns jovens da equipa secundária que poderão, assim, cumprir o sonho de estrear-se pela equipa principal.

E na pole position estão o turco Demiral e o jovem Ivanildo Fernandes, dois jogadores que Jesus conhece e segue com atenção há algum tempo – aliás, ambos foram convocados por Jesus para o encontro com a Fiorentina, a contar para o Troféu Cinco Violinos (não foram utilizados). Esta época Demiral leva nove jogos pela equipa B, enquanto Ivanildo já jogou seis.