O Sporting visita este sábado o Sporting de Braga para os oitavos de final da Taça de Portugal em futebol feminino e o técnico ‘leonino’, Nuno Cristóvão, ambiciona somar o primeiro triunfo da época diante do rival minhoto.

Apesar do domínio das épocas anteriores, as ‘leoas’ viram a equipa ‘arsenalista’ conquistar esta temporada a Supertaça e triunfar no jogo do campeonato nacional realizado no reduto sportinguista, ocupando isoladamente o primeiro lugar da prova, com mais três pontos do que as campeãs. Questionado sobre o peso desse passado recente, o treinador ‘leonino’ disse esperar que ele não perturbe as jogadoras.

“Trabalhamos todas as semanas para que isso não aconteça, tanto do ponto de vista técnico-tático como mental. É verdade que perdemos um jogo nas grandes penalidades e outro aqui em que tivemos 45 minutos muito maus que ditaram o desfecho do encontro. Mas o passado é passado e o que nos interessa é o presente. Espero que esse não seja um fator decisivo”, afirmou o técnico aos jornalistas, antes de mais um treino na Academia de Alcochete.

O histórico da presente época, aliado ao fator casa, poderia significar um possível favoritismo do conjunto ‘arsenalista’ para esta eliminatória. Porém, Nuno Cristóvão lembrou que nem quando o Sporting dominava os resultados dos jogos com o Braga se considerou favorito.

“Da mesma maneira que quando estávamos na frente eu dizia que as hipóteses eram 50-50, não me parece correto dizer exatamente o contrário. O facto de o Sporting de Braga jogar no campo que lhe dá maior conforto pode traduzir-se numa pequena vantagem, mas recordo que em Braga nunca perdemos e queremos manter esse registo”, afirmou.

Sem deixar de citar a expressão ‘mata-mata’, celebrizada em Portugal pelo antigo selecionador nacional Luiz Felipe Scolari, o treinador da equipa feminina do Sporting vincou uma preparação semelhante à dos outros encontros, mesmo tendo em conta que é perante um rival direto na luta pelos títulos.

“Todos os jogos são especiais. É um jogo difícil, com um grande adversário, são os finalistas da época passada e uma das equipas vai ficar pelo caminho. É mesmo assim: uma equipa vai seguir em frente, feliz, e outra vai ficar dececionada. De resto, é um jogo como os outros, que preparámos com os meios disponíveis. Estamos preparados para o enfrentar”, frisou.

O encontro dos oitavos de final da Taça de Portugal de futebol feminino entre Sporting e Sporting de Braga está marcado para este sábado, às 16h15, no Estádio Municipal 1.º de Maio, em Braga.