O Sporting continua firme na perseguição ao Sp. Braga mas teve de suar para vencer (0-1) na curta deslocação ao Estoril. Um golo da internacional Solange Carvalhas, no início da 2ª parte, desbloqueou o jogo para as leoas que, na verdade, estiveram longe do nível exibido em outras jornadas.

As campeãs nacionais entraram a dominar e no primeiro quarto de hora não deixaram as canarinhas jogar. No entanto, à posse de bola da equipa de Nuno Cristóvão faltou maior clarividência junto à baliza das estorilistas. A equipa da casa equilibrou e até chegou a assustar Patrícia Morais, embora em lance nascido num mau atraso.

A resistência das canarinhas terminou aos 56’, quando a bola atravessou a área e Solange Carvalhas, sozinha, só teve de encostar. Pouco depois, o Sporting falhou o segundo por pouco quando um tiro de Carolina Mendes acertou na trave.

Com o Estoril já sem o fôlego revelado na 1ª parte, as leoas controlaram e ainda obrigaram (74’) a guardiã da casa a grande defesa para evitar o segundo, resultado que seria penalizador para a organizada equipa canarinha.

O Sporting mantém assim a segunda posição, com 37 pontos, menos cinco que o primeiro classificado, o Braga. Na próxima jornada, a equipa verde e branca irá receber o Marítimo, contra quem empatou na primeira volta da prova.