O Sporting conquistou pela sétima vez a Taça de Portugal de futsal, revalidando o título com um triunfo sobre o rival Benfica por 3-2, no desempate por grandes penalidades (5-5 após prolongamento), na final disputada em Gondomar.

O Benfica chegou ao intervalo a vencer por 3-2, mas a equipa leonina deu a volta ao resultado na segunda parte, antes de o Benfica voltar a igualar (4-4) e levar o jogo para prolongamento, no qual cada equipa marcou um golo, fixando a igualdade a cinco bolas.

No desempate por pontapés de penálti, Gonçalo Portugal voltou a ser herói. O guardião Leonino defendeu a tentativa de Robinho e deu a Alex Merlim a hipótese de fechar as contas.

O Sporting, tricampeão nacional, igualou o Benfica como recordista de títulos, ambos com sete troféus conquistados, impondo-se o rival lisboeta pela quarta vez em outros tantos encontros na final da competição, depois dos triunfos em 2005/06 (9-5), 2010/11 (3-2, após prolongamento) e 2015/16 (4-2).