Jorge Jesus utilizou já várias duplas no ataque do Sporting na presente temporada. Porém, não apostou ainda em Bas Dost e Doumbia, em simultâneo, na equipa titular. Eis a explicação.

«Cada treinador tem uma forma de potenciar os jogadores e de acasalá-los em função da ideia que tem de jogo. Doumbia ainda não tem o conhecimento que quero para que joguem em função um do outro. Ainda não senti que seja capaz de fazer os movimentos a dois com o Bas Dost. Vai continuar a ser assim até eu achar que ele está como quero», sublinhou o treinador leonino, em conferência de Imprensa.

O Sporting tem no seu plantel dois avançados de renome internacional (Bas Dost e Seydou Doumbia), mas apenas o holandês é opção habitual para Jorge Jesus e raramente o técnico coloca ambos a jogar juntos.