O jornal Record avança esta sexta-feira na edição online que Jovane Cabral já possui passaporte português, o que irá permitir ao luso-cabo-verdiano do Sporting ser convocado para as seleções nacionais.

O referido desportivo cita fonte da agência que gere a carreira de Jovane, Invictus Team, para garantir que o processo de naturalização ficou concluído nas últimas horas.

Recorde-se que a intenção do extremo do Sporting era representar a seleção portuguesa, tendo para isso que dar conta da renúncia à seleção de Cabo Verde. Os responsáveis dos ‘Tubarões Azuis’ tentaram demover o jovem de 20 anos desta decisão, mas Jovane já tinha havia manifestado o seu desejo em alcançar a Seleção Nacional.