Jovane Cabral viveu com muita alegria a primeira Taça de Portugal ao serviço do Sporting. O extremo de 20 anos quis deixar ainda uma promessa aos adeptos.

Feliz por conseguir novo trofeu. É o segundo da época e só temos que gradecer a estes adeptos pelo apoio que nos têm dado. Acabou por ser uma época positiva, mas o Sporting luta pelos três títulos em Portugal. Este ano não conseguimos ganhar o campeonato, é o principal, mas para o ano vamos ser campeões», explicou à RTP.

Um dos destaques do início da temporada, Jovane Cabral acabou por perder espaço nas opções de Marcel Keizer. Suplente não utilizado, o jovem assumiu que foi complicado viver de fora as emoções da Taça.

«De fora é mais complicado, os nosso colegas fazem tremer toda a gente [risos]. Eu treino todos os dias para conseguir fazer o meu melhor, mas cabe ao mister decidir quem joga. A mim só me resta continuar a trabalhar», concluiu.