Uma questão central. O Sporting está recetivo a propostas por André Pinto e Tiago Ilori, ambos centrais, e tem os dois defesas no mercado.

Nesta fase, os leões têm cinco centrais no plantel para a próxima época. Além de Sebastián Coates e Jérémy Mathieu, o treinador do Sporting, Marcel Keizer, conta com André Pinto e Tiago Ilori, e com Luís Neto, internacional português (ex-Zenit) contratado em janeiro e um dos mais importantes investimentos para a nova época.

A renovação de Mathieu por mais uma época implica a permanência de Coates, um dos pedidos do francês para ampliar a ligação e reduzir o vencimento. Com a inclusão de Neto, os leões passaram a estar disponíveis para escutarem ofertas por André Pinto e Ilori.

Nesta altura, o jogador com futuro mais indefinido é André Pinto. O central, de 29 anos, tem contrato por mais duas temporadas e, recentemente, teve a possibilidade de rumar ao futebol chinês. A oferta, todavia, não agradou ao jogador, até porque este sente-se bem em Alvalade, e quer cumprir contrato com os leões. Já os leões não se opõem à saída do internacional português.

O caso de Tiago Ilori é diferente. O central da formação do Sporting deixou o Reading e regressou aos leões no mercado de transferências. Uma oportunidade e uma aquisição a pensar na época seguinte, numa altura em que a SAD contava vender Coates e com Mathieu com menos hipóteses de ficar.

Com contrato até 2024, Ilori continua a ter mercado no Championship e o regresso à segunda liga inglesa é possibilidade que não pode ser descartada.