A iniciativa que a Fundação Sporting levou a cabo neste domingo resultou numa participação muito importante dos Sportinguistas para a ajuda aos bombeiros, nesta altura a contas com várias frentes de incêndios espalhados pelo país, com destaque natural para Pedrógao Grande, onde se deu uma das maiores tragédias recentes na sociedade lusa.

Em duas horas e meia, o hall VIP de Alvalade recebeu mais de 200 pessoas dispostas a ajudar. Foi recolhida meia tonelada (500 kg) de fruta: mais de 250 kg de bananas; mais de 200 kg de laranjas e mais de 50 kg de maçãs. Números confirmados ao Jornal Sporting pela directora da Fundação Sporting, Celine Cepa.

Como solicitado em comunicado, foram também doados 600 litros de água, cerca de 50 litros de leite e perto de 2.500 barras energéticas, sendo também entregues bolachas e enlatados, alimentação fácil de consumir e de conservar.

Paralelamente, foram também recolhidos produtos de saúde com destaque para o soro fisiológico e para as pomadas próprias para queimaduras na pele.

Ficou o apoio do Sporting CP e dos Sócios e adeptos do Clube a uma situação de resposta urgente e a que o emblema verde e branco se associou como verdadeira instituição de serviço público.