Jorge Jesus discordou das palavras de Rui Vitória na análise a arbitragem no dérbi. O técnico explicou as mudanças no jogo.

Que lhe pareceu a arbitragem? “A terceira equipa esteve muito bem. Se alguém tem razão de queixa é ao Sporting. Vou falar de factos. Aos 17 minutos o Rúben Dias fez chave sobre o Mathieu e aos 88 minutos tem de ser expulso. Agrediu o Gelson. São situações factuais. Não venho para aqui só falar e não dizer nada. Não deixa de ser uma grande arbitragem do Xistra. Sei que foi agressão porque já vi ao pormenor na televisão. VAR também pode ver… Em jogadas duvidosas se alguém pode lamentar é a equipa do Sporting”

Queixas de Rui Vitória neste jogo e no da primeira volta: “É a opinião dele, admito que a tenha. Estou a falar e a apresentar factos. Não apresento coisas que não são visíveis, que não aconteceram. Não dar significado ao que se fala, é curto. Eu falo do que aconteceu no jogo. Na primeira volta o golo do empate foi aos 92 minutos e de grande penalidade. Quem estava prestes a ganhar o jogo era o Sporting. Houve grande penalidade e Benfica empatou. Daqui a pouco começo a recuar e vou buscar o Pizzi.”

Sporting e Benfica terminaram o dérbi de Lisboa sem golos (0-0), em jogo referente à 33.ª jornada da I Liga.