Slimani não convenceu os responsáveis do Fenerbahçe e os turcos pretendem devolver o avançado ao Leicester City, já em janeiro, atencipando o final do acordo de empréstimo que dura até ao final da época.

O problema, de acordo com a imprensa inglesa, é que o Leicester não está interessado em receber o antigo jogador do Sporting. O ponta-de-lança não entra nos planos de Claude Puel e, por isso, o treinador assinou a sua dispensa no início da temporada. É neste cenário que surge o nome de Claudio Ranieri.

O antigo treinador do Leicester, responsável pela ida de Slimani para Inglaterra, poderá estar aberto à possibilidade de “dar abrigo” ao argelino, no Fulham. Slimani custou 30 milhões de euros e é a contratação mais cara da história do clube.

O ponta-de-lança, de 30 anos, viveu três épocas muito positivas em Alvalade (57 golos), mas falha em afirmar-se fora de Portugal. Na primeira época no Leicester marcou oitos golos, em 29 jogos, na segunda marcou cinco, em 17 partidas, e foi cedido ao Newcastle, em janeiro, onde não conseguiu marcar.

Esta temporada, sem espaço nas opções de Puel, foi cedido ao Fenerbahçe, onde tem quatro golos, em 17 jogos.
Slimani tem contrato até 2021 e já foi levantada a possibilidade de regressar a Alvalade.