Os sócios do Sporting, reunidos este sábado em Assembleia Geral, confirmaram a expulsão de Bruno de Carvalho, assim como de Alexandre Godinho, da condição de sócio do clube.

A expulsão do antigo presidente dos leões teve 69,30 por cento do total de votos, contra 29,70 por cento. No total foram contabilizados 29.414 boletins.

Alexandre Godinho, vice-presidente no reinado de Bruno de Carvalho, também foi expulso, com números muito semelhantes (68,20 contra 30,54).

Este sábado, estiveram presentes 5190 sócios, ultrapassando a reunião de dezembro que votou a suspensão do antigo presidente.