Marcos Acuña já não vai sair do Sporting antes do final da presente temporada apesar do interesse do Zenit, escreveu o jornal O JOGO.

De acordo com a informação veiculada pelo referido diário desportivo, o Zenit de São Petersburgo não vai fazer mais nenhuma oferta pelo internacional argentino depois de o Sporting ter rejeitado uma oferta de 16 milhões de euros (mais quatro milhões por objetivos).

O Sporting só aceitava libertar o jogador argentino de 27 anos por uma verba a rondar os 20 milhões de euros, mas os valores apresentados pelo emblema russo não convenceram a SAD leonina.

Ainda segundo o mesmo jornal, Acuña estava motivado a rumar ao futebol russo, uma vez que iria dobrar o seu salário anual, que atualmente está nos 1,1 milhões de euros líquidos.

Contratado na época 2017/2018, Acuña tem contrato com o Sporting até junho de 2023 e uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros.