Diz-se que as decisões são apenas em maio, mas é já no mês de fevereiro que pode ficar traçado parte dos destinos do Sporting, equipa que está nesta altura, a lutar por objetivos diferentes daqueles a que estão habituados, Taça de Portugal e Campeonato.

Num campeonato tão competitivo e equilibrado entre os três primeiros classificados, é proibido perder pontos. Uma derrota do Sporting entrega os três primeiros lugares a FC Porto, Benfica e Sporting de Braga e se a luta pelo título já não passa no pensamento do adepto leonino mais otimista, o terceiro lugar é um objetivo mínimo para este Sporting, que há não muito tempo tinha a possibilidade de chegar ao primeiro lugar do campeonato.

Em agenda o 146.º encontro entre dos dois emblemas, o terceiro esta temporada. A história diz-nos que o Sporting é mais forte, somando 89 triunfos contra 33 do Sp. Braga, enquanto o empate se registou em 23 ocasiões, mas o passado recente mostra-nos algo diferente. A última vitória leonina foi em abril de 2017, em Braga, e a última em Alvalade foi em janeiro de 2016.

Este domingo, o Sporting, quarto classificado, com 42 pontos, recebe o Sporting de Braga, terceiro, com 49, no Estádio José Alvalade, pelas 20h00, em encontro da 22.ª ronda do campeonato.